Laticínios

FOCO NA QUALIDADE DO LEITE E NA PRODUÇÃO DE LÁCTEOS COM MAIOR VALOR AGREGADO 

Imagem do setor - Laticínios

Mapa do setor - Laticínios

Este setor tem grande potencial nas regiões apontadas no mapa.

MINAS GERAIS É O PRINCIPAL PRODUTOR DE LATICÍNIOS DO PAÍS 

O setor de laticínios está incorporado à Indústria de Alimentos que apresenta certo dinamismo na economia e importância para o setor industrial. Minas Gerais é o principal estado produtor de laticínios, sendo que este setor representa no estado 33% do valor bruto da produção da indústria alimentícia, 5,5% da indústria de transformação e 5% da indústria como um todo, superando a média nacional.

Ações por temas

Escolha um dos temas abaixo e conheça o plano de ações específico que irá transformar os desafios em oportunidades de crescimento.

LISTA DE AÇÕES


Ação Curto Prazo LegendaCurto prazo
Até 1 ano
Ação Médio Prazo LegendaMédio prazo
De 1 a 3 anos
Ação Longo Prazo LegendaLongo prazo
Acima de 3 anos
Desenvolver competências básicas da mão de obra operacional
1

Desafio/Oportunidade

  • Baixa qualificação básica da mão de obra operacional
2

O que se pretende alcançar

  • Nivelamento básico das competências da mão de obra operacional das empresas
3

Stakeholders

IEL-FIEMG
SESI-FIEMG
SEBRAE MG
Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (FAEMG)
Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE/MG)
Indústrias

1

Sensibilizar empresários sobre importância do investimento na formação básica dos funcionários

Preço estimado para a atividade:
R$ 5.000 a R$ 25.000

2

Estimular formação complementar de nível básico para quem possui ensino fundamental e/ou médio incompleto

Sugere-se incentivar a participação em cursos EJA (Ensino para Jovens e Adultos), que devem acontecer em horários facilitados, realizados nas empresas ou em parcerias com instituições de ensino municipais e estaduais

Transforme essas informações em negócios.

Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
e converse com a equipe técnica da FIEMG.

Desenvolver competências técnicas da mão de obra operacional
1

Desafio/Oportunidade

  • Baixa qualificação técnica da mão de obra operacional
2

O que se pretende alcançar

  • Melhor capacitação da mão de obra operacional das empresas, com direcionamento para as necessidades do setor
  • Maior interação entre instituições de ensino e empresas
3

Stakeholders

IEL-FIEMG
SENAI-FIEMG
SEBRAE MG
Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (FAEMG)                                    
Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)

Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)
Instituto de Laticínios Cândido Tostes (ILCT)
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Universidade Federal de Viçosa (UFV)

Universidade Federal de Lavras (UFLA)
Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq/USP)
Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL)

Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG)
Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)
Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
Indústrias

1

Ofertar capacitação técnica de acordo com as caraterísticas e necessidades específicas do setor

Realizar treinamento temático nas empresas, customizado para suas demandas específicas

Sugere-se a realização de cursos por módulos e em EaD (Ensino à Distância)
Temas sugeridos: qualificação na captação do leite (qualidade e logística) em parceria com o MAPA, por meio do Projeto de Melhoria da Competitividade do Setor Lácteo Brasileiro; Técnico em Laticínios; qualidade; manutenção; máquina Tetrapak; segurança no trabalho; IN 62
Oferta de bolsas de estudos aos funcionários para cursos técnicos e de graduação

Preço estimado para a atividade:
R$ 120/hora

Transforme essas informações em negócios.

Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
e converse com a equipe técnica da FIEMG.

Desenvolver competências gerenciais
1

Desafio/Oportunidade

  • Pouco conhecimento técnico do corpo gerencial das empresas do setor
  • Dificuldade de aplicação rotineira das ferramentas de gestão na realidade empresarial
2

O que se pretende alcançar

  • Incorporação de práticas de gestão adequadas à realidade das empresas
  • Aumento das competências dos gestores empresariais, de modo a tornar as empresas mais eficientes e, consequentemente, mais competitivas
3

Stakeholders

IEL-FIEMG 
SEBRAE MG
Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
Sindicato das Empresas de Informática de Minas Gerais (SINDINFOR)
Indústrias

1

Ofertar capacitação gerencial direcionada às demandas do setor

Realizar treinamento customizado ou com foco temático nas indústrias

Temas sugeridos: gestão empresarial, inovação, meio ambiente, marketing, finanças, captação de recursos para investimentos

Preço estimado para a atividade:
R$ 500/hora a R$ 800/hora


Desenvolver programa de formação de lideranças adequado ao porte de cada empresa

Inclusão de temas como liderança estratégica e empreendedorismo.
Poderão ser ofertados cursos in company com a realização de módulos em instituções nacionais e internacionais de referência na temática escolhida

Preço estimado para a atividade:
R$ 800 a 900/hora

2

Incentivar boas práticas de gestão nas empresas do setor

Motivar participação empresarial em eventos nacionais e internacionais para identificação e divulgação de novas tecnologias e inovações

A atividade deverá envolver preparação dos empresários para participação nos eventos


Articular integração com o setor de Tecnologia da Informação para aumento da informatização dos processos gerenciais

Preço estimado para a atividade:
R$ 50.000 (nacional) a R$ 150.000 (internacional)

Transforme essas informações em negócios.

Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
e converse com a equipe técnica da FIEMG.

Alinhar oferta de profissionais com a demanda do setor, em quantidade e qualidade
1

Desafio/Oportunidade

  • Escassez de profissionais de nível superior e técnico para atuação no setor
  • Desconexão entre matriz de ensino e as demandas do mercado
  • Existência de ampla rede de instituições de ensino consolidada para o setor de lácteos em Minas Gerais
2

O que se pretende alcançar

  • Adequação da oferta de cursos em áreas correlatas às demandas específicas do setor
  • Alinhamento da formação profissional à realidade e necessidades do mercado
  • Troca de experiências entre as instituições de ensino ligadas ao setor
3

Stakeholders

IEL-FIEMG
SENAI-FIEMG
SESI-FIEMG
SEBRAE MG
Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (FAEMG)                                    
Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)
Instituto de Laticínios Cândido Tostes (ILCT)
Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
Universidade Federal de Viçosa (UFV)

Universidade Federal de Lavras (UFLA)
Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq/USP)
Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL)

Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG)
Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)
Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
Indústrias

1

Aproximar instituições de ensino das empresas do setor

Propor às instituições de ensino as adequações necessárias na matriz curricular alinhadas à demanda identificada

Sugere-se a construção de uma agenda de capacitação envolvendo o setor produtivo
 

Fortalecer Instituto de Laticínios Cândido Tostes - EPAMIG nos níveis institucional e operacional

Interação e Apoio direto do SENAI/MG

Realização de encontros anuais entre as instituições de ensino e capacitação profissional para a troca de experiência e construção de ações em parceria

Formalização de termo de parceria entre as instituições de ensino ligadas ao setor

Preço estimado para a atividade:
R$ 5.000 a R$ 25.000

Transforme essas informações em negócios.

Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
e converse com a equipe técnica da FIEMG.

Facilitar práticas de Gestão de Recursos Humanos
1

Desafio/Oportunidade

  • Baixa retenção da mão de obra
  • Baixo comprometimento e motivação dos colaboradores
2

O que se pretende alcançar

  • Estruturação de processos de Gestão de Recursos Humanos nas indústrias
  • Melhor nível de qualidade de vida e grau de satisfação dos trabalhadores
  • Engajamento dos trabalhadores com os desafios e resultados da empresa
  • Aumento do tempo de permanência dos trabalhadores nas empresas e crescimento nos cargos ocupados e funções desempenhadas
3

Stakeholders

IEL-FIEMG
SENAI-FIEMG
SESI-FIEMG
SEBRAE MG
Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (FAEMG)
Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)                                        
Indústrias

1

Desenvolver políticas e processos de Gestão de Recursos Humanos nas empresas

Promover capacitação e consultoria técnica especializada para estruturação da Gestão de Recursos Humanos das empresas

Foco no redesenho dos processos de recrutamento e seleção, criação de plano de benefícios, implantação de normas de segurança e de boas práticas de produção

Preço estimado para a atividade:
R$ 120/hora


Sensibilizar empresas quanto à importância da realização de práticas de Gestão de Recursos Humanos e do seu impacto na produtividade

Preço estimado para a atividade:
R$ 5.000 a R$ 25.000

2

Realizar ações de valorização e bem estar dos funcionários do setor

Promover programas de saúde e bem estar dos funcionários das indústrias do setor por meio de atividades físicas e culturais

Promoção de palestras em temas como saúde, redução do stress, consumo de álcool e outras drogas, e gestão financeira familiar

Divulgação de Programas como o SESI Ginástica na Empresa e DESEV - Diagnóstico de Saúde e Estilo de Vida
Promoção de eventos de lazer envolvendo a família dos colaboradores e campanhas educativas em saúde e qualidade de vida

Para mais informações, consulte:

http://www7.fiemg.com.br/sesi/produto/sesi-industria-saudavel

http://www7.fiemg.com.br/sesi/produto/ginastica-na-empresa

 

Transforme essas informações em negócios.

Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
e converse com a equipe técnica da FIEMG.

Facilitar inclusão das pessoas com deficiência nas empresas do setor
1

Desafio/Oportunidade

  • Dificuldade no cumprimento das cotas de empregos para pessoas com deficiência
2

O que se pretende alcançar

  • Disseminação de informações e boas práticas para contratação de pessoas com deficiência
  • Atendimento aos percentuais de contratação de pessoas com deficiência exigidos por lei
  • Promoção da inclusão profissional de pessoas com deficiência
3

Stakeholders

IEL-FIEMG
SESI-FIEMG
SEBRAE MG
Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
Indústrias

1

Sensibilizar empresários quanto a correta adequação de vagas de trabalho às pessoas com deficiência

Promover eventos para troca de informações e discussão do tema

Preço estimado para a atividade:
R$ 5.000 a R$ 25.000

2

Divulgar serviços disponíveis que promovem integração entre empresas e pessoas com deficiência - PcDs

Expandir utilização do cadastro I-Hunter do SESI, que consolida registro de profissionais PcD e demanda das empresas

A atividade deverá ser executada em parceria com o Centro de Integração e Apoio à Pessoa com Deficiência Rogéria Amato (SESI - CIRA)

Preço estimado para a atividade:
R$ 5.000 a R$ 25.000

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Para visualizar o conteúdo completo, acesse pelo desktop ou preencha o formulário abaixo e receba o material por e-mail.
    Expandir atuação mercadológica
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Baixo conhecimento de mercado e posicionamento estratégico
    • Novos segmentos de mercado em expansão e de produtos com maior valor agregado
    • Potencial mercado de subprodutos a base de soro de leite e queijo
    2

    O que se pretende alcançar

    • Conhecimento das tendências atuais e forma de atuação em novos segmentos
    • Inserção de produtos alternativos no portfólio dos produtos lácteos mineiros
    • Aumento do faturamento dos laticínios
    • Aumento de vendas
    • Abertura de novos mercados
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI-FIEMG
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Agência de Inovação Polo de Leite
    Organização das Cooperativas do Estado de Minas Gerais (Sistema OCEMG)
    Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Universidade Federal de Viçosa (UFV)

    Universidade Federal de Lavras (UFLA)
    Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
    Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
    Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
    Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
    Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq/USP)
    Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL)

    Fundação de Amparo à Pesquisa de Minas Gerais (FAPEMIG)
    Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC)
    Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (SECTES/MG)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Indústrias

    1

    Apoiar diversificação de mercado e portfólio de produtos

    Estimular desenvolvimento de produtos com maior valor mercadológico

    Produtos com apelo de saudabilidade, de praticidade e funcionais

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 120.000

    Elaborar estudo de viabilidade para produção de lácteos a partir de matrizes caprinas, ovinas e bubalinas em Minas Gerais

    Sugere-se priorizar a Regional Norte na busca por alternativas

    Estimular empresários na criação de subprodutos a partir de resíduos da produção de lácteos

    Alternativas para o mercado de produtos à base de soro do leite e queijo para nutrição animal e para esportiva

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    2

    Melhorar posicionamento e estratégia competitiva

    Criar Núcleo de Inteligência Competitiva do setor

    O núcleo tem como objetivo realizar estudos sobre a produção primária (leite) e secundária (lácteos), novos mercados, perfil do consumidor brasileiro e mundial (mercados internacionais prioritários)

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 50.000

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Expandir atuação mercadológica internacional
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Baixo volume de exportações dos produtos mineiros
    2

    O que se pretende alcançar

    • Integração empresarial para exportação (ganho de volume)
    • Aumento de participação das exportações nas vendas das empresas
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    Centro Internacional de Negócios (CIN / FIEMG)
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Associação Brasileira das Indústrias de Queijo (ABIQ)
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC)
    Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (APEX)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Central Exportaminas
    Indústrias

    1

    Aumentar a competitividade das empresas, por meio da cultura exportadora

    Estimular participação das empresas em feiras internacionais para abertura de mercado e geração de negócios

    Exemplos: GUL FOOD, Fispal Tecnologia, FISA

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 150.000


    Incentivar formação de consórcios de exportação, visando a complementariedade de competências para o atendimento a grandes demandas do mercado internacional

    Modelo de consórcio: BDairy

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Expandir atuação mercadológica por meio do atendimento às demandas governamentais
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Mercado potencial de compras públicas.
    2

    O que se pretende alcançar

    • Aumento de vendas das empresas por meio das oportunidades geradas por instituições públicas.
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SESI-FIEMG
    Conselho de Assuntos Legislativos (COAL / FIEMG)
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Associação Mineira de Municípios (AMM)
    Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão
    Ministério das Cidades
    Ministério do Desenvolvimento Social (MDS)
    Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)
    Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC)
    Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão de Minas Gerais (SEPLAG/MG)
    Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais (SEE/MG)
    Indústrias

    1

    Mapear demanda e identificar oportunidades de negócios com o governo e instituições públicas

    Levantar oportunidades e necessidades referentes aos programas sociais da união, estados e prefeituras

    Identificar empresas com potencial para atender às demandas do governo e instituições públicas

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 50.000 a R$ 70.000

    2

    Qualificar empresas para atendimento às demandas governamentais

    Realizar treinamento em compras governamentais para as indústrias potencialmente fornecedoras

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 500/hora a R$ 800/hora

    3

    Intermediar negociações com governo e instituições públicas

    Articular com governos a inserção de produtos lácteos de menor valor agregado nos programas sociais

    Exemplo: merenda escolar

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Desenvolver infraestrutura de transporte de Minas Gerais
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Impacto das deficiências de infraestrutura de transporte na competitividade das empresas
    • Baixa qualidade de estradas vicinais
    2

    O que se pretende alcançar

    • Maior eficiência e integração das redes de transporte que impactam toda a cadeia do setor
    • Redução de custos e tempo de frete
    • Aumento da competitividade das empresas
    • Maior facilidade na captação leiteira
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    Conselho de Assuntos Legislativos (COAL / FIEMG)
    Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (FAEMG)
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Associação Mineira de Municípios (AMM)
    Ministério das Cidades
    Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG)
    Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER/MG)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas de Minas Gerais (SETOP/MG)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Indústrias

    1

    Analisar situação da infraestrutra utilizada pelas empresas do setor

    Identificar necessidades de melhorias da infraestrutura das estradas, incluindo estradas vicinais, modais, trechos e eixos

    A atividade tem como foco as estradas vicinais municipais que ligam as sedes dos laticínios aos principais produtores de leite de cada região

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 200.000

    2

    Articular com o governo melhorias e manutenção nos trechos críticos identificados

    Atividade abrange as esferas municipal, estadual e federal

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Desenvolver cadeia de distribuição
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Pouca margem de negociação de melhores condições de venda com grandes atacadistas e supermercadistas
    2

    O que se pretende alcançar

    • Maior penetração dos lácteos mineiros nas grandes redes nacionais de atacadistas e supermercadistas
    • Aumento do poder de barganha junto às redes atacadistas e supermercadistas
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)

    Associação Brasileira das Indústrias de Queijo (ABIQ)
    Associação Mineira de Supermercados (AMIS)
    Associação Brasileira de Supermercados (ABRAS)
    Associação dos Atacadistas e Distribuidores do Estado de Minas Gerais (ADEMIG)
    Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores (ABAD)
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq/USP)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Indústrias

    1

    Criar inteligência pré-competitiva entre agentes da indústria

    Promover cooperação entre empresas para melhoria das condições de negociação com grandes atacadistas e varejistas

    2

    Integrar agentes do setor

    Realizar rodadas de negócios com empresas de referência

    Benchmarking: Projeto Forte / Compre Bem com supermercadistas e atacadistas

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    Criar projeto piloto de uma central de vendas de lácteos para aumentar o poder de barganha das Pequenas e Médias Empresas - PMEs

    A atividade tem como objetivo melhorar as condições de negociação entre as empresas e grandes redes atacadistas e varejistas

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 80.000

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Incentivar criação de cooperativas e associações
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Baixa qualidade na produção leiteira
    • Pouca padronização dos processos de ordenha e captação nas fazendas leiteiras
    • Potencial para inserção do modelo cooperativista em Minas Gerais
    2

    O que se pretende alcançar

    • Maior cooperação entre os produtores rurais de uma mesma região
    • Estímulo a melhoria de qualidade e padronização de processos de produção leiteira
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SEBRAE MG
    Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (FAEMG)
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Organização das Cooperativas do Estado de Minas Gerais (Sistema OCEMG)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Indústrias

    1

    Sensibilizar produtores rurais quanto aos benefícios do cooperativismo e associativismo

    Sensibilizar os produtores rurais quanto à necessidade de padronização dos processos de ordenha e captação leiteira

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    Sensibilizar e capacitar os produtores rurais quanto às práticas cooperativistas e associativistas

    Público alvo: produtores leiteiros

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    Disseminar importância de melhorar a qualidade da produção leiteira

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    2

    Disseminar oportunidades advindas da cooperação/associação

    Atentar para a vantagem competitiva das associações e cooperativas no atendimento a altos volumes de demanda do mercado

    Incentivo à associação, por parte dos produtores leiteiros, às cooperativas locais e regionais

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Promover campanhas de comunicação e valorização do setor
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Demanda crescente e novos mercados de atuação para produtos lácteos de maior valor agregado.
    2

    O que se pretende alcançar

    • Ampliação do mercado consumidor e aumento nas vendas de produtos lácteos.
    • Melhoria na confiabilidade, qualidade e divulgação dos produtos lácteos mineiros.
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI-FIEMG
    SESI-FIEMG
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)

    Associação Brasileira das Indústrias de Queijo (ABIQ)
    Associação Brasileira de Bares e Restaurantes de Minas Gerais (ABRASEL/MG)
    Associação Brasileira de Organizadores de Eventos de Minas Gerais (ABEOC/MG)
    Belo Horizonte Convention & Visitors Bureau (BH C&VB)
    Associação Médica de Minas Gerais (AMMG)
    Ministério do Turismo (MTUR)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado de Turismo de Minas Gerais (SETUR/MG)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA)
    Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais (SEMAD/MG)
    Fundação Estadual do Meio Ambiente (FEAM)
    Indústrias

    1

    Articular criação de selos de qualidade e certificação de origem e sustentabilidade para os produtos lácteos

    Articular parcerias com sociedades médicas para obtenção de selos de aprovação de produtos lácteos saudáveis e/ou funcionais

    Estimular valorização de produtos com produção regional/local

    Exemplos: Fair Trade, Rastreabilidade

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    2

    Promover valorização do produto mineiro

    Criar programa para associação da produção regional ao turismo, estimulando visitação às unidades produtivas

    Criar campanha para promoção dos produtos lácteos mineiros vinculados à alta gastronomia, contando com a chancela de chefs renomados

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 70.000 a R$ 150.000

    Estimular parcerias com organizadores de eventos para inserção dos lácteos mineiros nos espaços promocionais de eventos

    Oportunidade: eventos realizados em Belo Horizonte

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Para visualizar o conteúdo completo, acesse pelo desktop ou preencha o formulário abaixo e receba o material por e-mail.
    Promover pesquisa aplicada e inovação em rede
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Baixo investimento em inovação e qualidade do produto
    • Sólida estrutura de instituições de Pesquisa e Desenvolvimento - P&D voltadas a lácteos em Minas Gerais
    2

    O que se pretende alcançar

    • Melhoria da qualidade dos produtos lácteos mineiros
    • Integração entre Institutos de Ciência e Tecnologia - ICTs -  e a indústria
    • Geração de conhecimento ampliado para o setor
    • Aumento do número de projetos realizados em parceria entre agentes do setor
    • Promoção do desenvolvimento de novos produtos
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI-FIEMG
    Centro de Inovação e Tecnologia – SENAI FIEMG
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Sindicato das Empresas de Informática de Minas Gerais (SINDINFOR)
    Associação Mineira de Empresas de Biotecnologia e Ciências da Vida (AMBIOTEC)
    Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ)
    Agência de Inovação Polo do Leite
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)
    Universidade Federal de Viçosa (UFV)
    Universidade Federal de Lavras (UFLA)
    Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
    Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
    Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
    Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
    Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq / USP)
    Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL)
    Fundação de Amparo a Pesquisa de Minas Gerais (FAPEMIG)
    Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP)
    Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
    Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)
    Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (SECTES/MG)
    Indústrias

    1

    Incentivar integração dos agentes do setor para troca de informações e conhecimento

    Promover eventos para compartilhamento de experiências entre os agentes do setor

    Sugere-se a elaboração de cartilhas e sensibilização sobre alternativas de inovação

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    Criar rede de inovação e tecnologia para troca de experiências

    Sugere-se a criação de um grupo de trabalho com foco em pesquisas conjuntas entre empresas e Instituições de Ciência e Tecnologia - ICTs

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 80.000

    Realizar missões técnico-empresariais de participação em feiras

    Foco na identificação de novos produtos, tecnologias e tendências

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 50.000 (nacional) a R$ 150.000 (internacional)

    Elaborar estudo de inteligência competitiva para criação de estratégias e gestão do conhecimento para o setor

    2

    Estimular desenvolvimento colaborativo e transferência de tecnologia entre os agentes do setor

    Estabelecer termo de parceria para desenvolvimento colaborativo de produtos e tecnologias

    Público alvo: Instituições de Ciência e Tecnologia - ICTs, indústrias do setor e SILEMG

    Articular parcerias entre Institutos de Ciência e Tecnologia e empresas para desenvolvimento colaborativo de inovações tecnológicas e uso compartilhado de estruturas

    Sugere-se a criação de editais de demanda induzida e Bolsas de Pesquisa aplicada para inovação em insumos, produtos e embalagens

    Realizar estudos de viabilidade técnico-financeira para implantação de inovações aplicadas ao setor

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 30.000 a R$ 50.000

    3

    Articular integração com demais setores

    Interação com empresas do setor de Biotecnologia e Tecnologia da Informação em Minas Gerais

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Solucionar necessidades tecnológicas
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Baixa interação entre Institutos de Ciência e Tecnologia - ICTs e profissionais com atuação em Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação - PD&I
    • Alta capacidade de geração de conhecimento em Minas Gerais, com elevado número de pesquisas disponíveis nos centros acadêmicos
    • Desenvolvimento de técnicas para utilização de nano e biotecnologia nos processos produtivos
    • Melhorar conservação dos produtos lácteos
    • Aproveitamento das novas tendências tecnológicas em embalagens, insumos e produtos
    2

    O que se pretende alcançar

    • Crescimento das parcerias entre instituições de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação - PD&I e indústrias para o desenvolvimento de novos produtos, aproveitando o potencial tecnológico instalado em Minas Gerais
    • Melhorar conservação dos produtos lácteos
    • Criação de novos produtos, insumos e embalagens
    • Aumento do ciclo de vida dos produtos ("tempo de prateleira")
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI-FIEMG
    Centro de Inovação e Tecnologia – SENAI FIEMG
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ)
    Agência de Inovação Polo do Leite
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)
    Universidade Federal de Viçosa (UFV)
    Universidade Federal de Lavras (UFLA)
    Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
    Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
    Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
    Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
    Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq / USP)
    Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL)
    Fundação de Amparo a Pesquisa de Minas Gerais (FAPEMIG)
    Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP)
    Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
    Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (SECTES/MG)
    Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Indústrias

    1

    Conhecer principais problemas tecnológicos do setor e levantar soluções em potencial

    Realizar estudo de viabilidade da implantação de projeto piloto de micro usinas de leite em pó em fazendas leiteiras

    A atividade tem como objetivo diminuir o custo e riscos sanitários do transporte do leite em estado líquido até os laticínios

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 30.000 a R$ 50.000

    2

    Selecionar potenciais soluções e respectivos parceiros

    Pesquisar novas embalagens, insumos e práticas de produção que possam ter impacto na durabilidade dos produtos

    Sugere-se envolver as Instituições de Ciência e Tecnologia - ICTs

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Modernizar infraestrutura e técnicas de produção
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Baixo investimento em modernização de máquinas, equipamentos e métodos de fabricação
    2

    O que se pretende alcançar

    • Melhoria da qualidade dos processos e produtos
    • Diminuição de custos operacionais
    • Atualização do parque industrial
    • Aumento da inovação na produção de lácteos
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI-FIEMG
    Centro de Inovação e Tecnologia – SENAI FIEMG
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Agência de Inovação Polo do Leite
    Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ)
    Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Universidade Federal de Viçosa (UFV)
    Universidade Federal de Lavras (UFLA)
    Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
    Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
    Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
    Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
    Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq / USP)
    Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL)
    Fundação de Amparo a Pesquisa de Minas Gerais (FAPEMIG)
    Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP)
    Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
    Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (SECTES/MG)
    Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Indústrias

    1

    Viabilizar tecnicamente a modernização

    Apoiar projetos de incentivo à modernização do setor

    Um exemplo é o Projeto de Melhoria da Competitividade do Setor Lácteo Brasileiro do MAPA e SEAPA/MG

    Deve-se também apoiar a criação de novas linhas de financiamentos e editais de demanda induzida como fomento à inovação


    Articular criação de bolsas de pesquisa aplicada para absorção de tecnologia de máquinas e equipamentos importados


    Apoiar criação de planos individuais de inovação tecnológica nas empresas do setor

    A criação e implantação dos planos devem estar de acordo com porte e nível de adoção de tecnologia de cada laticínio

    2

    Viabilizar economicamente a modernização

    Apoiar investimento em infraestrutura demandados pela Instrução Normativa 62

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Aprimorar gestão de qualidade e otimização dos processos produtivos
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Baixa produtividade dos fatores de produção no setor primário
    • Altos custos de produção da indústria de latícinios
    2

    O que se pretende alcançar

    • Melhoria das condições de ordenha e captação leiteira
    • Aumento da qualidade e produtividade dos processos produtivos do setor
    • Maior confiabilidade do leite utilizado nos laticínios
    3

    Stakeholders

    IEL - FIEMG
    SENAI - FIEMG
    Centro de Inovação e Tecnologia – SENAI FIEMG
    SEBRAE MG
    Federação da Agricultura do Estado de Minas Gerais (FAEMG)
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Agência Polo de Inovação do Leite
    Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (ABIMAQ)
    Organização das Cooperativas do Estado de Minas Gerais (Sistema OCEMG)
    Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Universidade Federal de Viçosa (UFV)
    Universidade Federal de Lavras (UFLA)
    Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
    Universidade Federal de Uberlândia (UFU)
    Universidade Federal de São João Del Rei (UFSJ)
    Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
    Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (Esalq / USP)
    Instituto de Tecnologia de Alimentos (ITAL)
    Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG)
    Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)
    Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (EMATER/MG)
    Secretaria de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (SECTES/MG)
    Indústrias
    Produtores de Leite
    Cooperativas de Produção de Leite

    1

    Incentivar melhorias de qualidade dos produtos

    Implantar novas tecnologias de produção leiteira nas fazendas

    Deve-se focar na inovação dos processos produtivos, assistência técnica direta aos laticínios, melhoramento genético do rebanho e de pastagens, e sistema de rastreabilidade e segurança (lacre) desde a captação do leite


    Disseminar boas práticas de produção leiteira

    Deve-se buscar integração com o Programa Minas Pecuária, coordenado pela SEAPA/MG, o Programa Balde Cheio conduzido pelo Sistema FAEMG e o Projeto de Melhoria da Competitividade do Setor Lácteo Brasileiro do MAPA.

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000


    Realizar benchmarking nas principais regiões produtoras leiteiras do país e do mundo.

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 50.000 (nacional) a R$ 150.000 (internacional)

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Apoiar empresas na obtenção de financiamento
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Dificuldade na obtenção de recursos financeiros para inovação
    • Pouca utilização de créditos e financiamentos para inovação e modernização
    2

    O que se pretende alcançar

    • Aumento do acesso das indústrias às linhas de financiamento específicas para inovação, inclusive via capital de risco
    • Conhecimento dos atores do setor sobre os financiamentos e incentivos fiscais disponíveis
    • Apresentação de conjunto de melhores práticas e processos para obtenção de recursos
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
    Fundação de Amparo a Pesquisa de Minas Gerais (FAPEMIG)
    Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP)
    Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq)
    BNDES
    BDMG
    Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (SECTES/MG)
    Indústrias

    1

    Promover conhecimento a respeito dos recursos financeiros e suas características

    Mapear fontes de financiamento e linhas de crédito para desenvolvimento e incentivo à inovação e identificar especificidades

    Divulgar disponibilidade de recursos financeiros para inovação

    Sugere-se a elaboração de cartilha e eventos de sensibilização

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    2

    Capacitar empresas na captação e utilização de recursos financeiros providos por entidades de crédito e investimento

    Preparar empresas na elaboração e submissão de projetos de inovação

    Essa atividade poderá ser apoiada pela Gerência de Capitalização e Financiamento e da Gerência de Inovação do Sistema FIEMG

    3

    Incentivar expansão ou adequação dos recursos disponíveis

    Fomentar estudo e criação de fundo público-privado para inovação, capacitação e marketing

    O fundo poderá ter percentual de investimento público (impostos) e percentual privado, aportado pelos produtores de leite e laticínios

    Sugere-se realizar benchmarking com o modelo americano American Dairy Association e com o Fundo do Algodão de Minas Gerais

    Deve-se avaliar a aplicação do modelo check off para marketing


    Articular, junto aos órgãos fomentadores, a criação de linhas de financiamento e incentivo, e editais de demanda induzida para pesquisa aplicada

    Foco no desenvolvimento das tendência tecnológicas em embalagens, processos de produção e conservação, insumos e produtos

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Para visualizar o conteúdo completo, acesse pelo desktop ou preencha o formulário abaixo e receba o material por e-mail.
    Apoiar empresas do setor na adequação às Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho e Emprego - MTE
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Dificuldades de adequação das indústrias do setor para atendimento às Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho e Emprego - MTE
    2

    O que se pretende alcançar

    • Melhoria das condições de trabalho e segurança da mão de obra do setor
    • Atendimento às Normas Regulamentadoras do MTE (principalmente a NR 12) de forma estruturada, com investimentos planejados
    • Minimização do risco de autuação pelo não cumprimento das exigências legais de saúde e segurança que regulamentam o setor
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI–FIEMG
    SESI-FIEMG
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    BNDES
    BDMG
    Ministério do Trabalho e Emprego (MTE)
    Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social de Minas Gerais (SEDESE/MG) 
    Indústrias

    1

    Disseminar noções básicas de saúde e segurança

    Ampliar divulgação da cartilha de noções básicas de saúde e segurança do trabalho, elaborada pelo SESI - MG

    Disponível em: http://www7.fiemg.com.br/sesi/produto/saude-e-seguranca-no-trabalho.

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    2

    Ampliar Programa Indústria Segura do SESI - MG

    Realizar consultoria técnica para apoiar as empresas no cumprimento das exigências das Normas Regulamentadoras - NRs

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    Realizar auditorias simuladas nas empresas participantes para verificação quanto ao atendimento às NRs

    Sugere-se verificar inclusive a documentação obrigatória referente às exigências trabalhistas da empresa.


    Realizar estudo de viabilidade dos investimentos necessários à adequação do parque industrial das empresas participantes 

    É recomendado considerar o planejamento financeiro das empresas para à realização do investimento

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 30.000 a R$ 50.000

    3

    Divulgar linhas de crédito específicas para adequações às Normas Regulamentadoras - NRs

    Ampliar divulgação das linhas de crédito disponíveis para investimentos no cumprimento das Normas regulamentadoras


    Por exemplo, para aquisição e adequação de máquinas e equipamentos.
    Para mais informações consulte: financiamento@fiemg.com.br
    http://www.bndes.gov.br/SiteBNDES/bndes/bndes_pt/Institucional/
    Apoio_Financeiro/Programas_e_Fundos/finame_moderniza.html.

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Apoiar empresas do setor na realização da Análise Ergonômica do Trabalho - AET
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Dificuldades de adequação das indústrias do setor para atendimento à norma NR 17 - Ergonomia do Ministério do Trabalho e Emprego
    2

    O que se pretende alcançar

    • Melhoria das condições de trabalho e segurança da mão de obra do setor
    • Adaptação das condições de trabalho às características psicofisiológicas dos trabalhadores, proporcionando máximo conforto, segurança e desempenho eficiente
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI–FIEMG
    SESI-FIEMG
    SEBRAE MG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    BNDES
    BDMG
    Ministério do Trabalho e Emprego (MTE)
    Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social de Minas Gerais (SEDESE/MG) 
    Indústrias

    1

    Realizar consultoria técnica especializada para avaliação ergonômica do trabalho

    Identificar pontos de medição ambiental e postos de trabalho

    Analisar aspectos ergonômicos nas empresas

    Sugere-se considerar: visualização de posturas, esforço, mobiliário e equipamentos

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 15.000

    Identificar pontos de risco ergonômico e elaborar tabela de custos humanos do trabalho


    Elaborar Laudo Ergonômico das dependências da empresa


    Realizar reunião de entrega dos relatórios, esclarecimentos de dúvidas e apresentação de soluções

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Apoiar empresas a cumprirem as exigências regulatórias
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Distanciamento e pouca comunicação entre órgãos reguladores e as empresas
    • Baixo entendimento empresarial sobre as exigências regulatórias em função do volume de regras do setor
    2

    O que se pretende alcançar

    • Maior representatividade do setor através da atuação das lideranças de forma organizada
    • Integração entre indústrias do setor e órgãos regulatórios
    • Redução de custos e tempo gasto pelas empresas no cumprimento das regulamentações
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI-FIEMG
    Centro de Inovação e Tecnologia – SENAI FIEMG
    Câmara da Indústria de Alimentos / FIEMG
    Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (FAEMG)
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Associação Brasileira das Indústrias de Queijo (ABIQ)
    Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)
    Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA)
    Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA)
    Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMAD/MG)
    Fundação Estadual do Meio Ambiente (FEAM)
    Vigilância Sanitária de Minas Gerais (VISA/MG)
    Indústrias

    1

    Promover campanhas de conscientização

    Sensibilizar consumidor sobre a importância de conhecer a procedência dos produtos lácteos comprados

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    2

    Avaliar grau de adequação das empresas às exigências regulatórias ambientais e gargalos nos processos de regulamentação

    Diagnosticar maturidade das empresas no atendimento às exigências regulatórias ambientais e dificuldades observadas por elas

    Levantar melhores práticas em uso pelas empresas

    Estimativa de preço para execução da ação
    R$ 30.000 a R$ 50.000

    Identificar pontos críticos do procedimento de concessão de licença ambiental

    3

    Preparar empresas para se adequarem às exigências regulatórias ambientais

    Articular, junto aos órgãos competentes, soluções para os pontos críticos mapeados

    Integração com SEMAD e FEAM


    Estruturar programa de implementação das recomendações constantes do Guia Técnico Ambiental da Indústria de Laticínios

    Guia elaborado em conjunto pela FEAM e FIEMG

    4

    Orientar processo de registro de novas plantas, produtos e embalagens

    Capacitar corpo empresarial quanto às normas de registro de novas plantas, produtos e embalagens

    Elaborar Cartilha de passo a passo

    Divulgar informações sobre a remessa de projetos aos órgãos regulatórios

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    5

    Formalizar criação de um Fórum de discussão permanente sobre as temáticas regulatórias incidentes sobre o setor

    Identificar integrantes para formação do fórum, equipe executiva, partes interessadas e pessoas chaves

    Foco na indústria mineira, mas com integrantes também de âmbito nacional

    Sensibilizar agentes potenciais quanto aos benefícios da criação de um fórum

    Definir pauta de atuação do fórum nas temáticas regulatórias

    Atribuições do fórum serão: disseminar informações e boas práticas para remessa de projetos aos órgãos regulatórios; Acompanhar e iniciar proposições de melhorias nos processos, de acordo com levantamento realizado; Divulgar passo a passo para registro de novos produtos, embalagens e estabelecimentos junto aos órgão competentes

    Promover seminários e workshops para disseminação de boas práticas nos processos de regulamentação

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Articular revisão de legislações e normas incidentes sobre o setor
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Legislação desatualizada e fiscalização frágil
    • Longos prazos para aprovação de novas plantas, produtos e embalagens
    2

    O que se pretende alcançar

    • Segurança jurídica para novos investimentos
    • Uniformização de procedimentos entre os órgãos regulatórios
    • Diminuição do número de normas que impactam o setor
    • Melhoria dos procedimentos de solicitação e aprovação de novos produtos, embalagens e plantas industriais
    • Redução da burocracia dos procedimentos atuais
    • Maior conhecimento pelos empresários sobre os passos para aprovação de um novo produto, processo ou planta industrial
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI-FIEMG
    Câmara da Indústria de Alimentos / FIEMG
    Conselho de Assuntos Legislativos (COAL/FIEMG)
    Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Minas Gerais (FAEMG)
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Associação Brasileira das Indústrias de Queijo (ABIQ)
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA)
    Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA)
    Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Minas Gerais (SEAPA/MG)
    Instituto Mineiro de Agropecuária (IMA)
    Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMAD/MG)
    Fundação Estadual do Meio Ambiente (FEAM)
    Vigilância Sanitária de Minas Gerais (VISA/MG)
    Indústrias

    1

    Sensibilizar deputados estaduais e federais sobre o impacto negativo gerado pela criação desarticulada de legislações ambiental, sanitária e tributária

    2

    Mapear processos de aprovação de novos produtos, plantas e embalagens pelos órgãos regulatórios

    Levantar os gargalos existentes nos processos de regulamentação

    Mapear oportunidades de melhoria dos sistemas

    3

    Identificar pontos críticos do procedimento de concessão de licença ambiental

    Proposição de aperfeiçoamento dos processos de regularização ambiental das atividades industriais por meio da regulamentação do PL 2.946/15 aprovado (reestruturação do Sistema Estadual do Meio Ambiente - Sisema)

    4

    Adequar legislação incidente sobre o setor

    Articular, junto aos órgãos competentes, soluções para os pontos críticos mapeados

    Integração com SEMAD e FEAM

    Articular otimizição e simplificação dos processos regulatórios junto aos orgãos competentes, de acordo com mapeamento realizado


    Articular para que o marco regulatório do setor seja integrado, uniformizado, simplificado e compatível com o nível de exigência de padrões internacionais

    Mudança de foco de ação fiscalizadora prévia de processos para ação fiscalizadora dos parâmetros finais dos produtos


    Padronizar procedimentos para aplicação da legislação entre os diferentes órgãos regulatórios


    Capacitar fiscais para a correta interpretação, aplicação das leis e verificação do cumprimento das leis

    Promoção de Módulos com informações sobre o setor e sua dinâmica em parceria com laticínios

    5

    Acompanhar atualização do RIISPOA junto ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - MAPA

    Articular publicação do RIISPOA atualizado

    6

    Articular otimização e simplificação dos processos regulatórios junto aos órgãos competentes, de acordo com mapeamento realizado

    Mapear entraves nos processos de aprovação de novos produtos, plantas e embalagens pelos órgãos regulatórios

    Articular, junto aos órgãos competentes, soluções para os pontos críticos mapeados

    Monitorar os impactos gerados pelas mudanças de procedimentos para avaliação das estratégias utilizadas

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Amenizar impacto tributário na competitividade do setor
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Pouco domínio pelas empresas do regime tributário vigente e específico do setor
    • Desconhecimento sobre benefícios tributários e formas de obtenção
    2

    O que se pretende alcançar

    • Aumento do número de empresas que utilizam os benefícios tributários disponíveis
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    Câmara da Indústria de Alimentos / FIEMG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Secretaria de Estado da Fazenda de Minas Gerais (SEF/MG)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Indústrias

    1

    Orientar empresas quanto ao regime tributário vigente

    Disseminar informações sobre formas de garantir o ressarcimento dos créditos gerados de PIS e COFINS

    Em acordo com o Decreto 8533/15 que regulamenta o Programa Mais Leite Saudável do MAPA

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    2

    Articular novas formas de aplicação dos tributos

    Avaliar possibilidade de utilização de parte do crédito de PIS/COFINS para a qualificação dos produtores de leite

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Estimular eficiência no consumo de energia
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Restrição de acesso e uso de energia elétrica
    2

    O que se pretende alcançar

    • Diminuição no consumo de energia pelos laticínios
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI-FIEMG
    Centro de Inovação e Tecnologia – SENAI FIEMG
    Escritório de Prioridades / FIEMG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Agência de Inovação Polo de Leite
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)
    Companhia Energética de Minas Gerais (CEMIG)
    Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (SECTES/MG)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMAD/MG)
    Fundação Estadual do Meio Ambiente (FEAM)
    Indústrias

    1

    Buscar possibilidades para melhorar a eficiência no consumo de energia

    Identificar meios para aumentar eficiência energética dos processos produtivos das empresas do setor


    Estimativa de preço para execução da ação
    R$ 20.000

    Identificar fontes alternativas de energia

    Estimativa de preço para execução da ação
    R$ 20.000

    2

    Apoiar empresas a alcançar melhor aproveitamento do recurso energético

    Divulgar linhas de financiamento existentes direcionadas ao uso de fontes alternativas de energia

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 5.000 a R$ 25.000

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Estimular eficiência no consumo de água
    1

    Desafio/Oportunidade

    • Uso intensivo de água
    • Necessidade de maior eficiência no uso da água
    2

    O que se pretende alcançar

    • Conscientização sobre o uso racional de água
    • Aumento do reaproveitamento de água pelas empresas
    • Recuperação de mananciais e açudes próximos às empresas
    3

    Stakeholders

    IEL-FIEMG
    SENAI-FIEMG
    Centro de Inovação e Tecnologia – SENAI FIEMG
    Escritório de Prioridades / FIEMG
    Sindicato da Indústria de Laticínios e Produtos Derivados no Estado de Minas Gerais (SILEMG)
    Agência de Inovação Polo de Leite
    Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA)
    Empresa de Pesquisa Agropecuária de Minas Gerais (EPAMIG)
    Companhia de Saneamento de Minas Gerais (COPASA)
    Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior de Minas Gerais (SECTES/MG)
    Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE/MG)
    Secretaria de Estado do Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (SEMAD/MG)
    Fundação Estadual do Meio Ambiente (FEAM)
    Indústrias

    1

    Avaliar situação das empresas quanto ao uso da água

    Diagnosticar grau de reaproveitamento da água nos processos produtivos das empresas

    Identificar oportunidades de economia e reuso de água

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 20.000

    2

    Incentivar práticas sustentáveis no uso da água

    Elaborar projetos para reduzir o consumo e aumentar reutilização da água nas empresas

    Preço estimado para a atividade:
    R$ 15.000


    Apoiar projetos de recuperação de mananciais e açudes nas proximidades das fábricas

    Sugere-se realizar Benchmarking com projeto de recuperação realizado em Brumadinho/MG

    Transforme essas informações em negócios.

    Mande um e-mail para pcir@fiemg.com.br
    e converse com a equipe técnica da FIEMG.

    Para visualizar o conteúdo completo, acesse pelo desktop ou preencha o formulário abaixo e receba o material por e-mail.

    Ações em destaque no setor

    Norte de Minas participa de reunião sobre Programa Mais Leite Saudável do MAPA

    Ação do PCIR em parceria com MAPA, SILEMG e EMATER conta com participação de grandes indústrias do setor de laticínio

    FIEMG apoia Seminário do Queijo Artesanal da Serra Geral em Porteirinha

    Ação do PCIR destaca a importância da regulamentação e certificação na produção de queijo artesanal local

    Baixe o Plano Setorial
    Laticínios

    Bons investimentos nascem de informações precisas.

    Preencha o formulário abaixo e receba gratuitamente o material completo de todas as regiões em seu e-mail.