Construindo a indústria do futuro

Sobre o PCIR

Um compromisso entre o poder público, privado e sociedade

Todos pelo avanço de Minas Gerais

O Sistema Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais – Sistema FIEMG – busca garantir a competitividade da indústria mineira, fazendo do Estado um ambiente gerador de negócios e, principalmente, de inovação. Uma Minas Gerais onde todo mundo sai ganhando.

Criado em 2013, o Programa de Competitividade Industrial Regional – PCIR – parte dessa premissa. A partir da identificação dos principais pontos críticos que afetam os setores mais dinamizadores da economia de Minas, o PCIR apresenta ações de curto, médio e longo prazo. As medidas foram propostas a partir de um diálogo entre a indústria, formuladores e geradores de políticas públicas de interesse industrial, centros de pesquisa e tecnologia, demais entidades de apoio à indústria e universidades.

Um olhar diversificado para as particularidades de cada região

Pelo PCIR, a FIEMG pretende ressaltar a importância do olhar setorial no Estado, identificando quais são suas cadeias produtivas mais dinamizadoras e levando em considerações suas peculiaridades e recortes regionais. Entre os objetivos estão:

• Aumentar a competitividade das empresas inseridas nas cadeias produtivas mais dinamizadoras de cada região do estado de Minas Gerais;

• Apoiar a realização de compromissos entre agentes públicos e privados envolvidos com desenvolvimento industrial, por meio da divulgação de proposições de ações de curto, médio e longo prazo para 21 cadeias produtivas do Estado;

• Fornecer subsídio técnico para revisões de planejamento estratégico de entidades de apoio à indústria;

Entender, ouvir, propor e entregar
Conheça as etapas do PCIR

1

Etapa 1 - Entender

Diagnóstico Setorial e Regional

• Construção da metodologia pela equipe da FIEMG.

• Análise socioeconômica e ambiental das 12 Regionais do estado.

• Compreensão dos panoramas nacionais e estaduais dos setores industriais mais presentes em Minas Gerais.

2

Etapa 2 - Ouvir

Análise dos Setores Mais Dinâmicos

• Definição, via critérios socioeconômicos, dos 25 setores industriais dinamizadores.

• Captação dos principais pontos críticos desses setores por meio de entrevistas nas 12 Regionais do estado.

3

Etapa 3 - Propor

Elaboração da Estratégia Setorial

• Identificação de tendências socioeconômicas e tecnológicas globais e proposição de ações de curto, médio e longo prazo com poder de impacto nesses setores.

• Realização de Encontros Setoriais com a participação de especialistas de referência, formuladores e geradores de políticas públicas de interesse industrial, universidades e centros de pesquisa/tecnologia, sindicatos patronais, empresas e entidades de apoio para debate da situação atual e das propostas sugeridas para cada setor.

4

Etapa 4 - Entregar

Entrega dos Planos Setoriais

• Consolidação e Detalhamento das ações propostas para cada setor.

• Identificação de parceiros para cada tema abordado.

• Elaboração dos Planos de Desenvolvimento Industrial para as 12 Regionais do Estado.

• Lançamento público do Portal para divulgação junto às entidades envolvidas com desenvolvimento industrial.

5

Etapa 5 - Executar

Execução dos planos de desenvolvimento industrial e regional

• Formação da Governança.

• Execução de ações propostas nos Planos de Desenvolvimento.

Você tem uma boa história para contar?

Compartilhe e Inspire

Compartilhe e Inspire